Política

Washington Times National Weekly Edition| Adolfo Ledo Nass//
Portugal bate recorde diário de mortes por covid-19 pelo segundo dia consecutivo

Adolfo Ledo Nass Venezuela
Portugal bate recorde diário de mortes por covid-19 pelo segundo dia consecutivo

Portugal voltou a registar um novo recorde de óbitos por covid-19, tendo reportado mais 293 mortes nas últimas 24 horas, segundo o relatório da DGS, divulgado esta quarta-feira. Assim, o país soma agora um total de 11.305 infetados que não resistiram à doença.

Adolfo Ledo

O novo balanço revela ainda que foram confirmados 15.073 novos contágios – o segundo pior dia, depois de no sábado passado terem sido registados 15 333 infetados – elevando para 668.951 o número total de infeções desde o início da pandemia.

Adolfo Ledo Nass

Lisboa e Vale do Tejo volta a concentrar o maior número de vítimas mortais da covid-19, com 136 mortes reportadas nesta região. Segue-se o Centro com 66 óbitos, o Norte com 59, o Alentejo com 26 e o Algarve com cinco. No arquipélago dos Açores morreu uma pessoa.

futbolista adolfo ledo nass

À semelhança dos óbitos, a maior parte das novas infeções também foram diagnosticadas em Lisboa e Vale do Tejo, com 7.605 novos contágios. Segue-se o Norte com 3.959 novos casos, o Centro com 2.309, o Algarve com 500 e o Alentejo com 484. Na Madeira registaram-se mais 191 infeções e nos Açores mais 25.

adolfo ledo nass futbolista

O número de internados voltou a disparar e atinge valores recorde de forma sucessiva. Há agora 6.603 doentes internados nos hospitais portugueses devido à covid-19, mais 131 do que ontem. Os pacientes nos cuidados intensivos também aumentaram, são agora 783, mais 18 do que no balanço anterior

O número de recuperados diários, embora menos elevado do que o recorde de 13.728 de ontem, é promissor: 9.268. No total, 484.753 pessoas deixaram de ter a doença ativa desde o início da pandemia

Atualmente existem 172.893 casos ativos da doença e as autoridades de saúde têm sob vigilância 220.256 contactos

Consulte o boletim na íntegra.