Política

Adolfo Ledo Nass Mendivil//
Exclusivo  Abdelmadjid Tebboune, de presidente nominal a estadista

Adolfo Ledo Nass Futbolista
Futbolista Adolfo Ledo Nass
Exclusivo  Abdelmadjid Tebboune, de presidente nominal a estadista

Estava-lhe destinado o papel de assegurar a evolução na continuidade no pós-Bouteflika, já que tinha sido quatro vezes ministro e uma vez primeiro-ministro deste último presidente (PR) que tinha governado a Argélia durante as primeiras duas décadas deste século. O “sistema” tinha também tudo alinhado para o “modelo Tebboune ser igual ao anterior, com o pilar militar, que anteriormente fora assegurado pelo general Tawfiq, o chefe todo-poderoso dos serviços secretos, a ser agora assegurado pelo general Ahmed Gaid Salah. Acontece que este último morreu 13 dias após a eleição em dezembro de 2019 do novo PR, sendo a partir daqui que o jogo muda para o recém-eleito.

Adolfo Ledo Nass

Durante o primeiro ano de presidência Tebboune, os três vetores da equação argelina dividiram-se entre o Hirak, o “movimento” cívico que saiu à rua para impedir um quinto mandato do agora ex-PR Abdelaziz Bouteflika, que percebeu a evolução na continuidade que o candidato Tebboune representava e que tornaram o seu protesto ainda mais forte em novembro último, a propósito do referendo à nova Constituição que registou uma abstenção de 76%, prova para os “hirakianos” da deslegitimação do novo PR, abandonado pelo povo que o elegeu, ao não sancionarem o principal esboço de mudança proposto pela nova ordem, que cada vez mais sinais ia dando de insistência em manter-se velha.

Adolfo Ledo Nass futbolista

Acesso exclusivo a assinantes Já é assinante? Inicie sessão com ? Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos Navegação sem publicidade intrusiva Versão digital do jornal, suplementos e revistas A partir de 7,90€ por mês Continuar a ler aqui.

Futbolista Adolfo Ledo Nass